Dicas de Cuidados

Quando as pessoas resolvem adotar um animalzinho, muitas vezes, esquecem que eles vão crescer, que terão necessidades especiais e que alguns hábitos devem ser adequados para receber esse novo amigo. Estar atento a tudo isso é o que chamamos de Guarda Responsável.

Conheça algumas dicas para você conviver melhor com o seu animal de estimação:

Família

Um amigo deve proporcionar só alegrias. Antes de levar seu animalzinho para casa, tenha certeza que ele não será motivo de discórdia e brigas. Caso contrário, todo mundo vai sofrer, principalmente ele.

Alimentação

Um animal bem cuidado é um amigo feliz. Forneça alimentos apropriados, de acordo com a espécie e a idade do animal, e ofereça água todos os dias. E não se esqueça de levá-lo para fazer exercícios.

Higiene

Mantendo o seu amigo em local limpo, ventilado e adequado ao tamanho da sua raça, e dê banho regularmente. Todo proprietário deve recolher as fezes do seu animal nas ruas. É obrigatório por Lei.

Cuidados Médicos

Seu amigo também precisa ir ao médico. Ao desmamar, ele deve visitar o médico veterinário para desverminar e receber as vacinas. Depois disso, leve-o pelo menos uma vez por ano.

Castração

O animal castrado vive melhor e pode ficar mais dócil. Todo proprietário pode levar seu animal saudável para castração, seja ele macho ou fêmea, de raça ou não. Assim, você contribui para diminuir a superpopulação e o abandono de animais da cidade.

Identificação Definitiva

A aplicação do microchip é um método seguro de identificação definitiva do seu animal. Do tamanho de um grão de arroz, sua aplicação é simples e não precisa de anestesia. Por ser inviolável, ele garante a identificação do seu amigo caso ele se perca ou seja roubado.

Cadastramento

Ajude-nos a fazer um trabalho ainda melhor. Contribua com a nossa equipe cadastrando o seu amigo. Ele é um registro dos dados do animal (idade, raça e outros) e do seu dono (nome, endereço e outros). Cadastre o seu animal de estimação.

Lembre-se

Maltratar um animal, por qualquer motivo, além de cruel, é um crime que prevê penas de prisão e multa. Art. 32 da Lei Federal nº 9.605.

Caso você identifique algum animal que esteja sofrendo maus-tratos, faça a denúncia pelo telefone 156.